Meteorologia

  • 28 FEVEREIRO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Cracolândia é isolada com grades durante a noite em cruzamento movimentado

Segundo a gestão Ricardo Nunes (MDB), a medida foi adotada no intuito de "proteger as pessoas em situação de vulnerabilidade e também os motoristas que transitam pela região".

Cracolândia é isolada com grades durante a noite em cruzamento movimentado
Notícias ao Minuto Brasil

07:45 - 29/10/23 por Folhapress

Brasil CRACOLÂNDIA-SP

LEONARDO ZVARICK
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Prefeitura de São Paulo começou a cercar durante a noite o cruzamento da avenida Rio Branco e da rua dos Gusmões, no centro, local que atualmente é o principal ponto de concentração de dependentes químicos da cracolândia. Segundo a gestão Ricardo Nunes (MDB), a medida foi adotada no intuito de "proteger as pessoas em situação de vulnerabilidade e também os motoristas que transitam pela região".

Há menos de uma semana, após suposta tentativa de assalto, um motorista acelerou contra a aglomeração e atropelou 16 pessoas no mesmo cruzamento. À polícia, o homem disse que foi cercado por usuários, que teriam quebrado o vidro do carro e roubado um celular e uma bolsa.

Por meio de nota, a subprefeitura Sé disse que a instalação de grades no período noturno atende solicitação da SSP (Secretaria de Segurança Pública), do governo estadual de Tarcísio Nunes (Republicanos), e que a medida será repetida por tempo indeterminado. Procurada, a pasta não respondeu até a publicação.

Um vídeo registrado por morador da região mostra movimentação intensa de usuários de drogas no local, por volta de 22h desta sexta-feira (27). As grades de proteção recém-instaladas isolavam a maior parte dos dependentes químicos na rua dos Gusmões, mas alguns invadiam a avenida Rio Branco e circulavam em meio aos carros.

Os episódios de violência na avenida se tornaram mais frequentes com a aproximação do fluxo, que atualmente ocupa de forma alternada dois endereços da Santa Ifigênia. Durante o dia, os usuários se concentram na rua dos Protestantes, e à noite se locomovem para rua dos Gusmões, próximo à Rio Branco -local onde permanecem durante toda a madrugada.

Foi na avenida Rio Branco que um ônibus foi atingido por uma bala perdida em agosto –a reação de um policial civil de folga contra supostos assaltantes também deixou um suspeito e um pedestre baleados. Em outras ocasiões recentes, coletivos tiveram vidros e retrovisores quebrados por usuários de drogas.
Ocorrências de roubo e furto de celulares contra motoristas que transitam pela via também são registradas diariamente. Em nota, a prefeitura disse que adota medidas semafóricas de segurança, "como o módulo amarelo piscante na extensão da avenida Rio Branco, para que os motoristas tenham trânsito livre no período noturno".

Segundo sistema de monitoramento do governo municipal, a cracolândia é mais movimentada durante a noite. Em outubro, as cenas abertas de uso de drogas foram frequentadas, em média, por 610 pessoas diariamente no período vespertino. Os dados também indicam aumento na média de frequentadores em comparação com o mês anterior.

Leia Também: GO: operação resgata 53 trabalhadores de situação análoga a escravidão

Campo obrigatório