Meteorologia

  • 20 AGOSTO 2022
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Sob pressão, Leo Dias se desculpa com Klara Castanho

A ex-atriz Antonia Fontenelle mudou o tom que vinha adotando sobre o caso

Sob pressão, Leo Dias se desculpa com Klara Castanho
Notícias ao Minuto Brasil

15:12 - 27/06/22 por Folhapress

Fama Repercussão

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após forte pressão nas redes e ameaças de cancelamento por terem tornado públicas as violências sofridas pela atriz Klara Castanho, a apresentadora Antonia Fontenelle, 49, e o colunista do jornal Metrópoles Leo Dias, 47, mudaram o tom. Antonia tentou se explicar e ofereceu ajuda; Leo pediu perdão.

Em uma carta aberta publicada em sua conta no Instagram neste sábado (25), Klara revelou que foi vítima de um estupro, engravidou e decidiu manter a gestação. Ela entregou o bebê para adoção. Era uma resposta, um esclarecimento, à repercussão causada pelas declarações de Fontenelle no dia anterior.

A apresentadora havia dito, em uma live, que sabia da história "de uma atriz global de 21 anos, que teria engravidado e doado a criança para adoção". Embora não tenha citado Klara nominalmente, Fontenelle deu várias dicas sobre a identidade da personagem principal de sua fofoca que, segundo ela, sequer quis "olhar para o rosto da criança".

Não era difícil e não demorou muito para que fosse feita a associação entre a "atriz global" e Klara, 21. Ela fez parte do elenco de novelas como "Amor à Vida" [2012] e "Morde & Assopra" [2011] e passou boa parte do sábado entre os assuntos mais comentados da rede. O boato de que seria ela a pessoa citada por Fontenelle foi ganhando corpo até que Klara resolveu se pronunciar, em um texto publicado no Instagram.

"Não posso silenciar ao ver pessoas conspirando e criando versões sobre uma violência repulsiva e de um trauma que sofri", escreveu ela, no início do post, em que descreve, em detalhes, o que aconteceu -do estupro ao pós-parto. Seu relato inclui a citação a "um colunista" que havia recebido informações de uma enfermeira e lhe telefonou logo após dar à luz, querendo mais informações.

Após a divulgação da carta, Leo correu para as redes e deu mais detalhes sobre o caso. Ele apagou o que havia escrito horas depois. Antonia, ciente da repercussão do caso e ainda antes de Klara se pronunciar, publicou um texto em que afrontava a atriz, ainda no sábado (25).

"Meus B.Os eu assumo, meus filhos também. Parir uma criança e não querer ver e mandar desovar por acaso É CRIME SIM, só acha bonitinho essa história de adoção quem nunca foi em um abrigo, ademais quando se trata de uma criança negra. O nome disso é ABANDONO DE INCAPAZ", postou a apresentadora.

No dia seguinte, Fontenelle, pré-candidata a deputada federal no Rio pelo Republicanos, mudou o tom. "O que chegou até a mim não foi o que você escreveu na sua carta aberta. Quando eu fiz a live , não citei o seu nome e o que me chegou foi que uma criança negra foi entregue a um abrigo e eu sei muito bem o que passa um a criança negra em um abrigo à espera de uma adoção".

Ela afirmou ser contra a violência doméstica, a violência contra crianças e mulheres, e ofereceu ajuda à atriz. "Não é papo de internet, não é lacração. Não quero nem se aceita. Quero fazer o possível e o impossível para colocar esse estuprador na cadeia. Me deixe te ajudar. O seu relato que sofreu uma violência me veio agora. Me deixe chegar a quem fez isso com você e eu tenho meios". Antonia disse ainda que não estava fazendo política e não pediu desculpas. "Isso é Antonia, mãe, avó e mulher"

JORNAL E LEO DIAS SE DESCULPAM

O jornal Metrópoles, para onde escreve o colunista Leo Dias, também fez uma mea culpa. "Em relação à Klara Castanho, praticamos mau jornalismo". O site também afirmou que "não há justificativa que sustente o argumento do interesse público em conhecer detalhes sobre uma história em que os únicos interessados são a vítima e seus familiares". E prosseguiu: "Neste caso, a Justiça e o Ministério Público, que intercederam para ajudar Klara no processo de adoção da criança", declarou o jornal.

Leo Dias também publicou um texto onde se desculpa pelo ocorrido. Sob o título "Preciso me explicar a vocês e pedir perdão para Klara Castanho", o colunista escreve que errou ao publicar a história e que não sabia que a atriz havia sido vítima de um estupro.

"Mesmo que eu soubesse de tudo desde o início, eu não deveria ter escrito nenhuma linha sobre esta história ou ter feito qualquer comentário sobre algo que não tenho o direito de opinar. Apesar da minha proximidade com o fato, reconheço que não tenho noção da dor desta mulher. E, por isso, peço, sinceramente, perdão à Klara", escreveu Dias.

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório