Meteorologia

  • 26 MAIO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Fã de Taylor Swift levou 23 facadas até morrer, diz laudo da polícia

O laudo da necropsia realizada pela Polícia Civil do Rio foi divulgado nesta segunda-feira (20)

Fã de Taylor Swift levou 23 facadas até morrer, diz laudo da polícia
Notícias ao Minuto Brasil

05:36 - 21/11/23 por Folhapress

Justiça MORTE-RIO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Fã da cantora Taylor Swift, Gabriel Mongenot Santana Milhomem Santos levou 23 facadas até morrer na Praia de Copacabana, zona sul do Rio, na madrugada deste domingo (19). O laudo da necropsia realizada pela Polícia Civil do Rio foi divulgado nesta segunda-feira (20).

O crime aconteceu horas depois do show da cantora no Estádio Nilton Santos, no Engenhão. Gabriel estava acompanhado com um grupo de amigos. Três suspeitos foram detidos na hora e dois deles permanecem presos. Eles já tinham fichas criminais por outros crimes e o homem apontado como autor das facadas havia sido preso em flagrante na última sexta-feira (17) e solto em uma audiência de custódia no sábado (18), menos de 12 horas antes do assassinato.

Gabriel tinha 25 anos e morava em Minas Gerais, apesar de nascido no Mato Grosso do Sul. Ele estava na cidade para o show de Taylor e iria à apresentação prevista para domingo (19).

Leia Também: Fã de Taylor Swift morto em assalto será enterrado com a roupa que usaria no show da cantora

Campo obrigatório