Meteorologia

  • 19 JUNHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Jovem suspeito de matar casal de idosos e genro já teria agredido a mãe

Segundo a Polícia Civil, após cometer os assassinatos, o adolescente teria levado um celular de uma das vítimas

Jovem suspeito de matar casal de idosos e genro já teria agredido a mãe
Notícias ao Minuto Brasil

05:25 - 29/05/24 por Notícias ao Minuto Brasil

Justiça Agudos

Um adolescente de 15 anos, principal suspeito de assassinar um casal de idosos e seu genro em Agudos, São Paulo, teria agredido a própria mãe dias antes do crime por ter sido proibido de usar o celular. 

Segundo a Polícia Civil, após cometer os assassinatos, o adolescente teria levado um celular de uma das vítimas. As investigações buscam entender as motivações do crime e as circunstâncias dos fatos.

Depoimentos da mãe e irmã do adolescente indicam que ele era usuário de drogas, apresentava comportamento agressivo e misturava álcool com remédios.

Testemunhas relataram ter visto o jovem com um celular que possivelmente pertencia a uma das vítimas.

O adolescente estava desaparecido desde sexta-feira, 24, dia em que as vítimas foram encontradas mortas. Ele foi achado sem vida em um prédio abandonado em Bauru (SP), na manhã de segunda-feira, 27. O caso é investigado como morte suspeita.

O crime

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de encontro de cadáveres. Ao chegarem ao local, encontraram duas ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e duas equipes do Corpo de Bombeiros realizando o socorro das vítimas. Os três familiares tiveram o óbito confirmado no local.
 
Os corpos das três vítimas apresentavam sinais de golpes de faca. A cena foi descoberta pela filha do casal de idosos e esposa da outra vítima.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) garante que a investigação seguirá para determinar as responsabilidades e levar os culpados à justiça

As três vítimas foram sepultadas no Cemitério Municipal de Agudos.

Leia Também: Negros morreram por disparos 4 vezes mais que brancos no Brasil em 10 anos

Campo obrigatório