Meteorologia

  • 22 MAIO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Jornal: Polícia acha objetos de crianças que sumiram na Amazônia há 23 dias

Há quatro crianças desaparecidas

Jornal: Polícia acha objetos de crianças que sumiram na Amazônia há 23 dias
Notícias ao Minuto Brasil

18:45 - 25/05/23 por Folhapress

Mundo Colômbia

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - As autoridades militares colombianas e os indígenas que realizam buscas para encontrar as quatro crianças desaparecidas há 23 dias em uma parte da Amazônia na Colômbia acharam indícios de que elas podem estar vivas. As informações são do jornal El Pais.

O Exército disse que nas últimas horas foram encontrados, em dois lugares diferentes, fraldas, um acessório para celular, uma toalha e um par de tênis a cerca de 600 metros do local onde o avião caiu.

Os militares consideram que os vestígios são indicativos de que os quatro irmãos estão vivos 23 dias depois da queda da aeronave. As crianças têm idade de 11 meses, 4, 9 e 13 anos.

Também foi encontrado um abrigo construído com galhos, onde havia uma tesoura, um prendedor de cabelo e uma maçã mordida.

Para os investigadores, esses objetos sugerem que os irmãos conseguiram sobreviver à queda do avião sem ferimentos graves. Ainda, não foram encontrados vestígios de sangue nas imediações.

"Isso encoraja o esforço titânico da Operação Esperança, onde mais de 350 colombianos, incluindo instituições estatais, população civil e comunidades, usam todas as suas capacidades tecnológicas, conhecimentos e experiências para desafiar o impossível e trazer de volta as quatro crianças", diz o Exército colombiano.

As crianças embarcaram no avião ao lado da mãe, outro adulto e o piloto em 1º de maio. Eles saíram de Araracuara e viajavam para San José del Guaviere, capital da região. Entretanto, a aeronave de pequeno porte comunicou uma falha no motor quando sobrevoava Caquetá, sobre o rio Apaporis, na selva amazônica, e perdeu comunicação com a torre de controle.

Os corpos dos três adultos foram encontrados no 16º dia de buscas, mas as crianças não estavam no local. A região em que destroços do monomotor foram encontrados é de difícil acesso, devido à baixa claridade -lá não é possível enxergar a mais de 20 metros de distância.

Na semana passada o presidente da Colômbia, Gustavo Petro, chegou a anunciar nas redes sociais que as criançam haviam sido encontradas sãos e salvos. Posteriormente, Petro recuou do anúncio, se retratou e pediu desculpas.

Campo obrigatório