Meteorologia

  • 30 MAIO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Em busca de seguidores, secretário de Zema faz sorteio de estadia em pousada em Tiradentes

Marcelo Aro está atrás de seguidores em seu Instagram pessoal

Em busca de seguidores, secretário de Zema faz sorteio de estadia em pousada em Tiradentes
Notícias ao Minuto Brasil

05:05 - 29/12/23 por Estadao Conteudo

Política Rede Social

O ex-deputado federal Marcelo Aro (PP), atual secretário da Casa Civil do governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), está atrás de seguidores em seu Instagram pessoal. Para atrair mais pessoas ao ser perfil, o secretário está sorteando uma estadia em uma pousada de Tiradentes (MG).

As diárias na pousada Pequena Tiradentes estão variando entre R$ 1.046 e R$ 2.528, entre dezembro e janeiro. O secretário firma três regras para a promoção: o interessado deve segui-lo no Instagram, curtir o vídeo em questão e marcar três pessoas. Ele afirmou que o sorteio ocorrerá 3 de janeiro e o ganhador vai ter direito a um final de semana com acompanhante no estabelecimento.

Procurado pelo Estadão, Aro não respondeu. Em meio a agendas políticas, o secretário costuma fazer publicações divulgando destinos turísticos e comidas típicas do Estado.

A responsável pelas redes sociais da pousada informou ao Estadão que não estava sabendo da promoção. Ao assistir o vídeo, disse que pode ser que Aro faça a reserva após sortear o ganhador, mas que até agora a pousada não foi comunicada. Atualmente, o perfil de Aro tem 115 mil seguidores. "Quanto mais gente você marcar, mais chances tem de ganhar", avisa o secretário. O vídeo em questão acumula mais de 37 mil curtidas.

A legislação brasileira não permite que pessoas físicas realizem sorteios. As empresas interessadas na atividade precisam de autorização do Ministério da Fazenda. Professor da Faap, o especialista em direito digital Renato Blum afirma que não há crime, mas que os responsáveis estão sujeitos a sanções cíveis, principalmente multas, e também à penalidades pelo descumprimento dos termos de uso do Instagram, que limitam a prática. "Muitos usuários fazem isso. Na prática, fica difícil a aplicação", disse Blum. Procurado, o Ministério da Fazenda não respondeu até a publicação desta reportagem.

Marcelo Aro é um dos políticos mais influentes de Minas Gerais. Ele tem secretários indicados na Prefeitura de Belo Horizonte e uma bancada informal, conhecida como "Família Aro", com cerca de 10 dos 41 vereadores da Câmara Municipal da capital mineira. Além disso, é vice-presidente da Federação Mineira de Futebol (FMF), entidade comandada por seu irmão, Adriano Aro. O pai, Zé Guilherme (PP-MG), é deputado estadual.

Aro se tornou aliado de Zema nos últimos anos. Inicialmente, foi líder do governo mineiro no Congresso Nacional. Em seguida, disputou a eleição para o Senado no ano passado com o apoio do governador, mas ficou em terceiro lugar, atrás do hoje ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira (PSD-MG), e do eleito Cleitinho Azevedo (Republicanos-MG). No primeiro semestre deste ano, Zema conseguiu aprovar uma reforma administrativa que, entre outros pontos, criou a Secretaria de Casa Civil, pasta para qual Marcelo Aro foi imediatamente nomeado.

Campo obrigatório