Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2022
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Gripe: 10 mitos que quase todo mundo acredita

O melhor a fazer para se prevenir? Tomar a vacina e aprender mais sobre a doença

Notícias ao Minuto Brasil

13:15 - 25/10/16 por Notícias Ao Minuto

Lifestyle Saúde

A gripe pode pegar os mais desprevinidos em qualquer época do ano, mas os dias mais frios podem ser os mais difíceis, destaca o infectologista e professor na Escola de Medicina da Universidade Vanderbilt William Schaffner, à revista Self.

E o melhor a fazer para se prevenir? Tomar a vacina e aprender mais sobre a doença. A seguir, o especialista listou dez mitos que quase todo mundo acredita, mas não deveria:

1. A gripe é tão comum que não é perigosa. Martin Hirsch, professor de medicina na Harvard Medical School destaca: “A gripe pode provocar a morte, particularmente em indivíduos abaixo dos dois anos e acima dos 65, e naquelas pessoas cujo sistema imunológico está comprometido” - categoria na qual se incluem também as grávidas, por exemplo.

2. A gripe só ataca no outono e no inverno. A ‘estação da gripe’ varia ao longo do ano e varia de ano para ano. 

3. Só as crianças e os idosos é que precisam da vacina da gripe. Não. Não importa quão novo ou saudável a pessoa seja, é preciso tomar a vacina da gripe para se proteger e também às pessoas em volta. E, sim, é preciso tomar a vacina todos os anos.

4. Se tomar a vacina, não vou ter gripe. A vacina atua desencadeando uma formação de anticorpos que o protegem o corpo contra o vírus, mas não é uma ciência exata. “Em bons anos, a vacina consegue uma proteção de 60%”, destaca Hirsch. Ainda assim poderá ter gripe, mas com sintomas e durações mais moderadas.

5. A gripe não é logo contagiosa. “Começa-se a exalar o vírus um dia antes de ficar doente. O vírus está no seu corpo e começa logo a transmitir-se”, explica Hirsch.

6. Se tomar a vacina da gripe vai ficar doente. Laura Cummings conta que a maioria das pessoas tem preocupação de ficar com gripe mal assim que se toma a vacina, mas a médica explica que a substância usada na vacina “é um produto inativo. Não é uma vacina viva, por isso não é possível apanhar gripe através dela”. Nos casos em que as pessoas ficam com gripe logo depois de tomar a vacina, o vírus já estava no corpo, só que ainda não tinha manifestado.

7. A vacina é igual para todas as pessoas. Não, apesar de haver uma vacina ‘standard’ para as pessoas com mais de 65 anos, por exemplo, a vacina terá uma dosagem maior e desencadeará uma resposta imune mais forte. E começa a haver a possibilidade de, em breve, tomar a vacina através de um spray nasal.

8. As grávidas não podem tomar a vacina. Na verdade, elas são inclusive encorajadas a tomarem a vacina, até porque a proteção não é só para a grávida, mas também para o bebê.

9. A vacina da gripe provoca autismo. Manon M.J. Cox, presidente e CEO da Protein Sciences Corp, conta à revista Self que um estudo sugeriu isto mas que não tinha dados válidos para sustentar a conclusão. “É uma ideia muito perigosa, e faz com que as pessoas parem de vacinar os seus filhos, o que os expõe a doenças que ameaçam a vida”. Todas as pessoas acima dos seis meses podem tomar a vacina.

10. A gripe passa sozinha, não é preciso tomar medicamentos. Consultar um médico, para que ele possa prescrever uma droga antiviral, pode ajudá-lo a melhorar mais rápido. Além disso deve descansar e dar a oportunidade ao seu corpo para se recuperar.

Leia também: Descubra o que cada órgão precisa para poder se desintoxicar

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório