Meteorologia

  • 19 JUNHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Estudante de medicina da UF mata a mãe com mais de 70 facadas

O crime aconteceu logo após a mãe abrir a porta para o filho

Estudante de medicina da UF mata a mãe com mais de 70 facadas
Notícias ao Minuto Brasil

07:39 - 09/04/24 por Notícias ao Minuto Brasil

Mundo EUA

No sábado, um estudante de medicina da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, Emmanuel Espinoza, assassinou sua mãe com mais de 70 facadas durante uma visita à sua casa. O crime aconteceu logo após a mãe abrir a porta para o filho.

De acordo com o xerife do condado de Polk, Grady Judd, o jovem de 21 anos atingiu a mãe no peito e no estômago. O ABC News relata que as autoridades acreditam que Emmanuel, devido à sua formação em medicina, sabia que tais áreas do corpo seriam mais propensas a levar à morte.

Após o crime, o próprio Emmanuel ligou para o número de emergência e confessou o homicídio.

"É um dos assassinatos mais bizarros que já vimos em muito tempo", disse Judd. Ele também mencionou que Emmanuel cometeu o crime ao som da música "No Church in the Wild" de Jay-Z e Kanye West.

O jovem, o mais novo de três irmãos, confessou à polícia que planejava matar a mãe há "muito tempo" e que finalmente havia encontrado a coragem para fazê-lo. Questionado sobre a motivação do crime, Emmanuel disse que, apesar de amar a mãe, ela o irritava desde a infância.

Segundo a polícia, Emmanuel não possui histórico de doenças mentais ou uso de drogas. Seus antigos colegas de turma o descreviam como "notavelmente brilhante".

Leia Também: Homem mata mulher a pauladas e arranca orelha de enteada no Ceará

Campo obrigatório