Meteorologia

  • 14 JUNHO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Hacker é detido após chantagear pacientes com dados de sessões de terapia

O caso começou em 2020.

Hacker é detido após chantagear pacientes com dados de sessões de terapia
Notícias ao Minuto Brasil

05:49 - 05/05/24 por Notícias ao Minuto Brasil

Mundo Chantagem

Um conhecido pirata informático, que era um dos criminosos mais procurados da Europa, foi detido por chantagear 33.000 pacientes de psiquiatria.

Segundo a BBC, Julius Kivimäki, agora detido, usava as notas das sessões médicas. 

A detenção de Kivimäki, na Finlândia, põe fim a uma série de 11 anos de cibercrime que começou quando, com apenas 13 anos, se tornou proeminente numa rede de hackers adolescentes.

Assim que se encontrava na posse dos dados dos pacientes, enviava um e-mail de um remetente anônimo dizendo ter o nome, número de segurança social e outros dados privados da pessoa. 

Com registos pessoais minuciosos recolhidos pelo terapeuta, ameaçava que, se a vítima não pagasse um resgate de 200 euros em 24 horas, todos os registos seriam publicados na Internet.

No total, cerca de 33 mil pessoas viram os seus dados roubados, com milhares sendo chantageados. 

A base de dados roubada da clínica de psicoterapia Vastaamo continha os segredos mais profundos de uma grande parte da sociedade finlandesa, incluindo crianças.

Conversas sensíveis sobre assuntos que iam desde casos extraconjugais a confissões de crimes tornaram-se uma moeda de troca.

O caso começou em 2020 e encerrou-se agora com a detenção do responsável. 

Leia Também: Saco com é cobras encontrado nas calças de passageiro em aeroporto

Campo obrigatório