Meteorologia

  • 05 MARçO 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Influenciadora digital morre após internação por anemia falciforme na BA

Nesta quinta, um dia após a internação, a equipe de Jeane Passos postou uma nota comunicando o falecimento da influencer especializada em conteúdos de moda e beleza

Influenciadora digital morre após internação por anemia falciforme na BA
Notícias ao Minuto Brasil

07:00 - 17/11/23 por Folhapress

Fama MORTE-BA

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Jeane Passos, 34, morreu nesta quinta-feira (16) após uma internação por complicações de anemia falciforme, na Bahia. A informação foi confirmada pela equipe da influenciadora digital nas redes sociais.

Na tarde da última quarta-feira (15), a equipe de Jeane Passos publicou uma nota no Instagram dizendo que a influenciadora digital estava internada e estava sem acesso ao celular.
"Venho, por meio dessa nota, por respeito aos seguidores e aos parceiros, comunicar que Jeane está internada por complicações da anemia falciforme. Nesse momento, ela está impossibilitada de acessar o celular. Peço orações por ela para Deus restaure a sua saúde", diz a nota.

Nesta quinta, um dia após a internação, a equipe de Jeane Passos postou uma nota comunicando o falecimento da influencer especializada em conteúdos de moda e beleza.
O velório foi realizado nesta quinta-feira (16), no cemitério Bosque da Paz, em Salvador (BA).

Nascida na Bahia, Jeane Passos soma mais de 45 mil seguidores no Instagram. Ela compartilhava conteúdos de moda, beleza, casa e viagem nas redes sociais.

Jacira Passos, mãe da influenciador digital, fez uma homenagem à filha nas redes sociais. "Obrigado senhor pela filha que o senhor me deu. Hoje, ela está descansando nós seus braços", escreveu.

A reportagem entrou em contato com a família para colher mais informações sobre a morte da influenciadora digital. O texto será atualizado após a resposta.

O QUE É ANEMIA FALCIFORME?

Segundo o Viva Bem, a anemia falciforme é uma doença crônica para a qual somente alguns pacientes encontrarão a cura por meio do transplante de medula óssea. Isso porque é raro que se encontre um doador compatível.

Trata-se do tipo mais comum e mais grave do grupo das doenças falciformes, que se caracteriza pela presença de glóbulos vermelhos (hemácias) em forma de foice ou meia-lua.

Em indivíduos com anemia falciforme, as hemácias falciformes são mais rígidas e pegajosas e, por isso, têm maior dificuldade para passar pelos vasos sanguíneos mais finos. Isso promove o que os médicos chamam de oclusão sanguínea -ou seja, elas obstruem o fluxo do sangue.

O resultado disso são crises de dor, maior propensão a infecções, AVC, síndrome torácica aguda. Com o passar do tempo, há ainda o comprometimento progressivo de vários órgãos como pulmões, coração, ossos, rins, fígado, retina, pele etc.

Além disso, como as hemácias falciformes morrem mais cedo [ela se renovam no nosso corpo, em média, a cada 120 dias), isso provoca uma escassez de hemoglobina, o que leva à anemia.

Leia Também: Morre Paulo Hesse, ator de 'O Cravo e a Rosa' e 'Paraíso Tropical'

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório