Meteorologia

  • 14 ABRIL 2024
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

"Suspiro de alívio" após suspeito de tiroteio ser encontrado morto

O Maine pode "dar um suspiro de alívio", disse a governadora do estado do nordeste dos EUA, após o suposto autor de um tiroteio que vitimou 18 pessoas em Lewiston ter sido encontrado sem vida.

Notícias ao Minuto Brasil

06:00 - 28/10/23 por Notícias ao Minuto Brasil

Mundo EUA

Numa conferência de imprensa realizada na noite de sexta-feira, Janet Mills revelou que o corpo de Robert Card, que teria morrido devido a um ferimento autoinfligido por arma de fogo, foi encontrado na povoação de Lisbon Falls, a 12 quilômetro de Lewiston.

"Como muitas pessoas, estou dando um suspiro de alívio esta noite, sabendo que Robert Card não é mais uma ameaça para ninguém", disse Mills.

"Também sei que a morte dele pode não trazer consolo para muitos. Mas agora é hora de curar", acrescentou a governadora, que confirmou já ter dado a notícia ao Presidente norte-americano Joe Biden.

Na mesma conferência, o comissário de Segurança Pública do Estado de Maine, Mike Sauschuck, disse que o corpo do militar na reserva, de 40 anos, foi encontrado por volta das 19:45 de sexta-feira, junto ao rio Androscoggin, perto de onde Card tinha abandonado o seu automóvel.

O chefe da polícia de Lewiston disse que a comunidade agora pode "respirar aliviada". "É de vital importância para todos nós que esta conclusão tenha vindo à tona esta noite", disse David St. Pierre. "Vamos rezar pelas famílias que perderam entes queridos", acrescentou.

Horas antes, Mike Sauschuck tinha suspendido a ordem de recolhimento dado à população, numa outra conferência de imprensa em que nomeou as 18 vítimas do tiroteio, com idades entre os 14 e os 76 anos.

A ordem de recolhimento foi suspensa depois de as autoridades fazerem buscas em centenas de hectares, enviarem equipes de mergulho para o fundo de um rio e analisarem uma possível nota de suicídio.

Robert Card era suspeito de matar 18 pessoas e ferir 13 outras numa pista de bowling e num bar do Maine, na quarta-feira, iniciando uma caça ao homem que durante dois dias deixou o estado em alerta.

A polícia e outros agentes da autoridade foram vistos em várias áreas da região durante a sexta-feira, mergulhadores fizeram buscas perto de um barco em Lisbon Falls e numa empresa agrícola na mesma povoação.

Uma arma foi encontrada no carro de Card, descoberto numa rampa para barcos, e os agentes federais estavam testando-a para determinar se tinha sido usada no tiroteio, disseram dois agentes à agência de notícias Associated Press.

As autoridades encontraram na quinta-feira um bilhete de suicídio numa casa associada a Card, dirigido ao filho, revelaram as autoridades, segundo os quais a nota não indicava qualquer motivo específico para o tiroteio.

Este tiroteio foi o mais mortífero nos EUA desde o ataque a uma escola em Uvalde, no estado do Texas, onde um atirador matou 19 crianças e dois professores em maio de 2022.

Leia Também: Bebê de três meses morre baleada na França; mãe é a principal suspeita

Campo obrigatório