Meteorologia

  • 24 JUNHO 2018
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Jaloo tem cenas de amor com ator global em 'Paraíso Perdido'

"Ele é muito poderoso. Isso está no filme e na música dele, aí fica fácil fazer um trabalho bacana", disse Humberto Carrão

Jaloo tem cenas de amor com ator global em 'Paraíso Perdido'
Notícias ao Minuto Brasil

17:59 - 26/05/18 por Folhapress

Cultura Cinema

Eles não se conheciam antes de serem escalados para o filme "Paraíso Perdido", mas a parceria parece ter dado certo. O ator Humberto Carrão e o cantor Jaloo, que interpretam o casal Pedro e Imã no longa de Monique Gardenberg, protagonizaram cenas de carinho, amor e nudez que tiveram destaque na obra.

"Foi o máximo contracenar com Jaloo. Ele é uma figura. O nosso encontro foi muito rápido, mas quando eu soube, fui correndo atrás dos shows, músicas e vídeos dele na internet. Ele é muito poderoso. Isso está no filme e na música dele, aí fica fácil fazer um trabalho bacana", disse Carrão, 26, logo após assistir à pré-estreia do filme, na última segunda (21), no Rio.

+ Nobel de Literatura de 2019 também pode ser cancelado

Convidado por Gardenberg para integrar o elenco, Jaloo, 30, disse que ficou nervoso em sua estreia como ator: "Estava muito inseguro em todas as cenas, não vou mentir. Mas depois que a gente vê o resultado pronto, com todo o nosso empenho, é demais. Monique viu meu 'trampo', gostou e me falou que eu tinha a ver com o papel. Fiquei meio assim, mas fui (risos)."

Nascido em Belém, Jaloo é artista independente e iniciou sua carreira em 2014, com covers e remixes de músicas pop publicados na internet. Ele se apresentou no domingo (20) passado na 14ª Virada Cultural de São Paulo. 

Sinopse

Na trama, Pedro é um professor de inglês que frequenta a boate Paraíso Perdido, comandada pela família do patriarca José (Erasmo Carlos), que é pai de Angelo (Júlio Andrade) e Eva (Hermila Guedes) e tem também o filho adotivo Teylor (Seu Jorge). A família se completa com seus netos Celeste (Julia Konrad), filha de Angelo, e a drag queen Imã, filho de Eva, que vive o romance com Pedro. O policial Odair (Lee Taylor), sua mãe, Nádia (Malu Galli) e o namorado de Celeste, Joca (Felipe Abib) completam o rol de personagens.

A trama gira em torno de conflitos familiares que envolvem traição, paixão, vingança, encontros e desencontros, conduzidos ao som de clássicos da música popular romântica, como "De que Vale Ter Tudo na Vida" e "Não creio em mais nada".

Para Gardenberg, seu longa conseguiu reunir um elenco que todo diretor sonha ter. Ela afirma também que "Paraíso Perdido" nasceu de uma angústia sua em voltar a filmar - seu último filme foi "Ó Paí Ó", lançado em 2007.

"Essa história tinha que ser contada para se contrapor à brutalidade do mundo lá fora e apresentar um ambiente de afeto, tolerância e liberdade. Uma história inspirada nesse patriarca, vivido pelo Erasmo de forma sublime."

A atriz Julia Konrad, 27, que assim como Jaloo canta ao lado de Erasmo no filme, afirma que se apaixonou pelo roteiro do longa e confessa que tem dificuldade em explicar como se sentiu ao soltar a voz ao lado do ídolo.

"Erasmo é um ícone que eu admiro tanto, que cresci escutando as músicas e de repente me vi trabalhando com essa pessoa. Foi muito especial."

Marjorie Estiano, 36, que faz uma participação como a misteriosa presidiária Milene, afirma que confia plenamente em Gardenberg, sua amiga de longa data.

"A gente coleciona alguns trabalhos juntas no teatro, na música e agora no cinema. Faço o que ela quiser. Além de uma relação de admiração, nós construímos uma relação de confiança. Confio no que ela me oferece é interessante e está de acordo comigo enquanto posicionamento artístico, estético e ideológico." Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório